O que os esturjões comem


O que os esturjões comem

Os esturjões são uma das espécies de peixes mais antigas e existentes no planeta Terra, com o registro fóssil indicando que a espécie já vivia à pelo menos 200 milhões de anos.

Em termos de tempo de existência, a espécie perde apenas para os celacantos, que tem 400 milhões de anos. O esturjão é um peixe que vive aproximadamente até 60 anos de idade, pode crescer até 4 ou 5 metros e pesar mais de 400 quilos..

Em outras palavras, eles podem se tornar muito grandes e pesados e, por isso, pode se tornar um peixe perigoso para todos aqueles que se aproximam dele.

Hábitos alimentares dos esturjões

Quando filhotes, os esturjões comem principalmente pequenos organismos e, quando eles crescem, eles começam a comer todos os tipos de coisas. Eles são conhecidos por comer peixe em decomposição e quando nadam nas áreas do rio, também comem moluscos, crustáceos e lampreias e até enguias.

Em águas abertas, particularmente perto de enseadas oceânicas, o esturjão vai comer os peixes que conseguir encontrar. Quando os grandes cardumes de peixes menores entram nos sistemas fluviais, eles se tornam uma ampla fonte alimentícia para o esturjão.

Caracteristicas Alimentares

O esturjão tem uma visão ruim e, para encontrar sua comida, o esturjão usa seu focinho longo para agitar a areia do leito do rio ou do lago e usa suas barbas sensíveis e o sentido do tato para alcançá-lo.

Quando as barbas tocam a comida, seja larvas de insetos, vermes, caracóis, caranguejos ou pequenos peixes, ingere a comida rapidamente. O esturjão pode saborear a comida com as papilas gustativas que tem do lado de fora do focinho sem dentes, que também servem ao esturjão para escolher o que come.

Como este peixe consome presas pequenas em relação ao seu tamanho, ele deve dedicar a maior parte de seu tempo à busca de alimento, fato de que ele nada muito devagar. Existem várias espécies de esturjão, todas semelhantes, além do tamanho e que vivem em diferentes regiões.

Esturjões como alimento

Adequadamente cozido, o esturjão é uma fonte de alimento comestível para os seres humanos, mas eles devem ser cozidos corretamente, sem pele e bem cozidos. Os pescadores pescam o esturjão ao longo dos rios, mas os esturjões não são um peixe particularmente saboroso, e há outras espécies de peixes que têm um gosto melhor nas mesmas águas de pesca.

Eles colocam muitos ovos

O esturjão tem a capacidade de gerar um grande número de ovos. A fêmea de esturjão pode colocar milhões de ovos por ano durante a desova. Apesar disso, o esturjão continua sendo uma espécie ameaçada.

Caviar de esturjões

O uso mais popular e prático para esturjões é, na verdade, a produção de caviar de esturjão, geralmente localizado no mar Cáspio. Este caviar pode ser inacessível para muitas pessoas e é altamente valorizado em todo o mundo.

Considerações finais

O esturjão provavelmente continuará existindo por muito tempo. Eles estão nadando por aí há muitos anos, e ainda há uma boa chance de estar por aí por muito tempo depois que o homem deixar de existir. No entanto, ainda precisamos cuidar do habita em que esses grande peixes moram para não eliminar a população de esturjões, e isso exigirá que o homem seja responsável pelo cultivo e uso do esturjão da forma correta.

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on PinterestShare on LinkedInShare on TumblrEmail this to someonePrint this page


Tópicos relacionados: