O Que As Corujas Comem


O que as corujas comem

As corujas são animais noturnos incríveis e, por isso, pode ser mais difícil observar esse tipo de ave, sendo que a maioria das pessoas também não sabem exatamente o que as corujas comem.

Por isso, preparamos um artigo com diferentes informações para ajudar a responder e esclarecer dúvidas sobre os hábitos alimentares da coruja.

Aqui apresentamos as informações sobre como as corujas fazem para comer, como fazem a sua digestão e também deixaremos algumas informações sobre os seus predadores naturais.

A coruja pertence à família de aves de rapina noturnas ou estrigiformes e são divididas em dois grupos: titonídeos e estrigídeos.

Características

Antes de falar sobre a alimentação das corujas, uma coisa que podemos destacar sobre este animal caçador por excelência é a sua grande velocidade de vôo. Ela também tem um ótimo ouvido que permite ouvir o movimento de diferentes bichos e muitas coisas que não ouvimos e uma visão bastante apurada. Estes animais são noturnos e possuem uma das maiores inteligências no mundo dos pássaros.

As corujas são capazes de virar a cabeça num ângulo de 270 graus e os olhos da coruja se destacam e, ao contrário dos olhos humanos, enxergam perfeitamente os animais invertebrados e vertebrados que desejam caçar para comer até mesmo em uma noite bastante escura. Isso acontece porque a coruja têm a capacidade de dilatar a pupila, para captar a maior quantidade de luz possível.

A maior coruja conhecida no Brasil é o Mocho Orelhudo, sua altura pode passar de 50 centímetros e a menor, o Caboré, chega a atingir até 17 centímetros de altura.

O habitat da espécie está associada a lugares abertos, como pastagens e terrenos agrícolas ou semiabertos. Estes animais podem se adaptar a qualquer tipo de clima e meio ambiente, mas onde eles vivem mais é nas florestas. Você as encontrará em todos os continentes, exceto na Antártida e em algumas ilhas pequenas.

As corujas comem o que?

A dieta das corujas depende de onde elas moram. Elas são animais muito versáteis e farão uma refeição quando puderem, sem serem muito exigentes em caso de necessidade.

Quanto à sua dieta, quando comem optam por pequenos animais porque os maiores seriam mais difíceis de caçar. Elas têm uma grande variedade quando se trata de escolher comida, e elas preferem:

  • Anfíbios
  • Roedores
  • Insetos
  • Répteis

Roedores silvestres e insetos constituem o principal cardápio de presas da maioria das corujas, e diferentes adaptações ao longo de milhares de anos garantem as refeições destes animais.

Os ratos e camundongos parecem ser o tipo mais comum de fonte de alimento da coruja porque eles são fáceis de pegar pela cauda. Eles também consomem um grande número de morcegos e lagartos, bem como pequenos insetos, também aranhas, vermes, grilos, gafanhotos e baratas.Podem passar muitas horas a cada noite procurando por comida e consumindo-a. Outros animais que este pássaro gosta são coelhos e lebres, mas estes são mais difíceis de capturar devido a velocidade desses animais.

Os pesquisadores já descobriram que a parte fundamental de sua alimentação se compõe de aves, às vezes peixes, insetos e, principalmente, de pequenos mamíferos, como morcegos e roedores.

Diferentes dos abutres e urubus, a coruja só consome alimentos vivos, caso seja encontrado algum animal em decomposição, a coruja não comerá devido ao seu grande instinto predatório, no qual às vezes satisfaz mais do a que a própria degustação do animal.

Esses animais são capazes de devorar animais grandes como aves de maior porte até pequenas raposas, corsas e javalis. A coruja é uma ave que também se alimenta de filhotes. Entre suas presas favoritas está o ouriço do mar, que costumam atacar os ouriços adultos, independente da proteção dos espinhos.

Corujas podem comer as corujas de uma espécie diferente. Quase como se fosse um tipo de canibalismo. Quando isso ocorre, geralmente elas se alimenta de indivíduos menores. Alguns locais no mundo já experimentaram algum tipo de declínio de espécies de corujas nativas devido ao aumento de outras espécies destes animais.

As Corujas Bebem Água?

As corujas conseguem obter a maior parte de líquidos e umidade que precisam das presas que comem, então é um pouco raro ver uma coruja beber água.

Quando uma coruja não se alimenta por mais de alguns dias, ela se torna suscetível à desidratação e precisa beber água assim como qualquer outro animal.

Corujas em Cativeiro

Uma coruja de cativeiro geralmente vai engolir pequenos itens inteiros de presas. É muito melhor fornecer pequenos itens alimentares para as corujas, em vez de fornecer pequenas partes de animais maiores como pedaços de carne. Itens como lesmas, vermes e insetos não são adequados, mas ocasionalmente, pequenos pássaros ou sapos podem ser comidos.

Símbolo da sabedoria, é motivo de ser criada como mascote de muitas pessoas, atividade que exige investimento e tempo para a montagem de uma boa estrutura de criação.

Coruja é uma ave que precisa de autorização para ser criada em cativeiro. Portanto, antes de tudo, consulte uma Secretaria Estadual de Meio Ambiente (Sema) para obter todas as informações necessárias e documentação para começar a atividade de criação.

Como prato predileto as corujas filhotes e de criação preferem pequenos animais vivos. Roedores, insetos como gafanhotos, larvas e pássaros de pequeno porte são alguns deles. Se o criador preferir fornecer alimentos frescos ou congelados abatidos, será necessário um período de adaptação.

Animais comestíveis congelados de alta qualidade podem ser obtidos de empresas especializadas em ração animal, muitas vezes disponíveis em maior quantidade. A maioria das lojas de animais de estimação que atendem répteis vendem quantidades menores. Os alimentos devem ser descongelados à temperatura ambiente antes de serem servidos. Nunca dê comida congelada ou parcialmente congelada para as corujas e nunca volte a congelar alimentos descongelados.

Em uma emergência

Se você tem uma coruja para alimentar por algum tempo, até que seja possível consultar um veterinário ou especialista e precisa dar algo para mantê-la por um dia ou dois, você pode usar carne magra ou músculo de galinha.

Digestão da Coruja

Ela despedaça a presa com as suas garras certeiras e afiadas que tem ou, dependendo do tamanho, come a presa inteira. A coruja engole toda a comida ao invés de mastigá-la, quando pega uma presa maior ela usa o seu próprio bico para permitir rasgar a comida em pedaços para que tudo seja facilmente engolível e digerido.

Apesar de contar com sucos gástricos para fazer a digestão, algumas partes do corpo do animal comido, como os ossos, os dentes e os pelos não podem ser digeridos e se acumulam no estômago para depois serem regurgitados em pequenas bolas, as chamadas bolotas de regurgitação, que servem como fontes no estudo da dieta das corujas.

Predadores naturais da Coruja

Apesar das corujas estarem no topo, ou próximo da cadeia alimentar, algumas espécies, principalmente as menores, podem ser predadas por outros tipos de animais, como gaviões, alguns mamíferos e até outras corujas maiores.

Os principais predadores das corujas são alguns tipos de gaviões, serpentes cachorros-do-mato, gatos-do-mato e algumas espécies de felinos.

Quando as corujas acham que estão ameaçadas, podem utilizar várias estratégias de defesa de forma ativa e passiva. A defesa ativa da coruja funciona quando ela começa a emitir barulhos de alarme e faz sobrevoos rasantes sobre o animal predador. No caso da defesa passiva, a coruja tenta ludibriar ao amedrontar o predador eriçando as sua penas para parecer maior do que ela parece ser e estalar o bico na tentativa de espantar a ameaça.

Tipos de Corujas

É possível encontrar vários tipos de coruja porque existem várias espécies diferentes delas. Elas podem variar em tamanho e cor, embora a anatomia geral das corujas seja algo muito similar em todas as espécies.

De fato, existem mais de 20 espécies conhecidas de corujas, e alguns especialistas acreditam que poderão encontrar ainda mais deles.

  • Coruja anã ou pigmeu
  • Coruja das Torres
  • Coruja da Neve
  • Coruja- Buraqueira
  • Coruja de Crista
  • Corujinha do Mato
  • Coruja De Celeiro
  • Coruja de Bigodes
  • Coruja Preta
  • Coruja de Garganta Preta
  • Coruja Pintada
  • Coruja Listrada
  • Coruja Mascarada
  • Corujão
  • Mocho Orelhudo
  • Caburé
  • Bufo Real

O tipo de comida preferida depende das espécies de coruja. Existem cerca de 200 espécies diferentes de corujas. Por exemplo, a coruja pescadora é altamente especializada na captura de peixe, enquanto a coruja é especializada em pegar ratos para se alimentar.

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on PinterestShare on LinkedInShare on TumblrEmail this to someonePrint this page


Tópicos relacionados: